Sereias e unicórnios

27 01 2013

Em dezembro de 2012, à convite da Paloma Altran, bibliotecária que tem se destacado na organização de cursos e eventos da área em São Paulo, ministrei um minicurso sobre catalogação e indexação de filmes.

Foi uma experiência interessante para mim, e espero que tenha sido para os alunos também. Dar aulas é bom porque a gente se prepara, se recicla e se questiona. Mais aprende do que propriamente ensina, no final das contas.

Entre os participantes havia boa quantidade de profissionais que já trabalham com acervos de filmes  em busca de informações que não encontram no mundinho das regras criadas para livros. Para minha surpresa, até pessoas de outros estados participaram do curso. Tive o prazer de contar com uma assistência interessada e atenta, que não se deixou abater pela aridez de alguns dos tópicos abordados – afinal, catalogação, mesmo de filmes, não é um assunto muito ameno.

Constato, mais uma vez, a óbvia necessidade de mais cursos na área de documentação audiovisual. Nossa graduação é falha nesse aspecto, há pouco material didático de qualidade em circulação e nossa prática profissional raramente permite o indispensável tempo de reflexão e maturação de conceitos para desenvolver um trabalho consistente voltado à documento audiovisual. Vivemos eternamente pressionados pela urgência e pela quantidade de “material a processar”, além de assombrados por visões simplistas de colegas que não enxergam um palmo além do AACR2.

Penso que a instituição que se animasse a montar um curso de especialização em organização  de imagens em movimento não ficaria decepcionada com a quantidade de inscritos. Claro que precisaria de professores de diversas áreas: arquivistas, restauradores e conservadores, gente com experiência em cinematecas e emissoras de TV e docentes da área de cinema e televisão. Eu adoraria ver um curso desses acontecendo na USP, mas eu também gostaria muito de ver uma sereia ou um unicórnio de pertinho e  vou morrer sem ter esse gosto.

aaDSCN2403

Não entendo nada dos mecanismos necessários para criar cursos de especialização e imagino que não seja uma coisa simples. Mas, como estou escrevendo em meu próprio blog, onde posso escrever o que me der na telha, fiquei com vontade de enumerar alguns conteúdos que esse hipotético curso unicórnio dos meus sonhos poderia ter. Só de brincadeira e sem nenhuma ordem:

Fundamentos da linguagem cinematográfica e audiovisual

História do cinema

O gênero nas obras audiovisuais

Análise de imagens

Conservação, preservação e digitalização de imagens em movimento

Os usos do filme: na pesquisa histórica, como material didático, na preservação da memória

Cinematecas e arquivos de filmes: funções, organização.

Coleções de imagens em movimento em bibliotecas

Catalogação e seus padrões: regras da FIAF, AACR2, RDA, MARC etc

Metadados: Dublin Core, CEN, MPEG-7

FRBR e catalogação de filmes

Indexação e resumos

Organização de arquivos de vídeo digital

Bases de dados de filmes

E o que mais? Vamos lá, instituições! Vocês conseguem.


Ações

Information

2 responses

15 05 2013
renata

Oi,Marina! Vi que você dará novamente esse curso. Eu nunca trabalhei em arquivo,mas acabei de me formar em audiovisual na usp e me interesso muito pelo assunto.
Será que consigo acompanhar o curso, sem ter o vocabulário de arquivista?obrigada!

15 05 2013
Marina Macambyra

Oi Renata! Esse outro curso vai ser apenas sobre resumos e indexação, então penso que uma pessoa com formação em audiovisual consegue acompanhar. Talvez você não entenda os conceitos mais específicos da área da documentação, mas se ficar com dúvidas posso esclarecer depois do curso, para não quebrar o andamento da aula.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: